quarta-feira, 29 de maio de 2013

29 de agosto - Dia Nacional de Combate ao Fumo.

De acordo com estudo do Instituto Nacional do Câncer (INCA), sete brasileiros morrem diariamente por causa de doenças que são ocasionadas pela exposição à fumaça do cigarro. As mulheres são as mais atingidas. 60% delas morrem em decorrência do tabagismo, uma vez que sofrem mais para largar o cigarro, elas apresentam o dobro de ansiedade e depressão comparadas aos homens.

Os dados divulgados pela Organização Mundial da Saúde são muito piores. Estima-se que 5,4 milhões de pessoas morrem a cada ano e até 2030 o tabaco será responsável pela morte de 8 milhões de pessoas. Sendo considerada uma droga poderosa, a nicotina demora apenas 7 segundos para atuar no sistema nervoso central, causando rapidamente a dependência. É abssolutamente normal que os primeiros dias sem cigarro sejam os mais difíceis. Não desanime as dificuldades ficam menores a cada dia.


Tentou parar de fumar, mas voltou? A vontade de fumar não dura mais que alguns minutos, por isso, distraia a sua mente na hora que ela aparecer. Os sintomas duram de 1 ou 2 semanas, dores de cabeça, irritabilidade e alterações no sono, são normais. Contudo, não se preocupe se a sua primeira tentativa falhou, a maioria dos fumantes que largaram o vício fizeram, em média, de 3 a 4 tentativas até conseguirem.

Veja abaixo os benefícios de parar de fumar e abandone de vez o cigarro.

- Após 20 minutos sua pressão sangüínea e a pulsação voltam ao normal.
- Após 2 horas não tem mais nicotina no seu sangue.
- Após 8 horas o nível de oxigênio no sangue se normaliza.
- Após 2 dias seu olfato já percebe melhor os cheiros e seu paladar já degusta a comida melhor.


Cuidado com as armadilhas: Nos momentos de maior estresse, procure manter a calma e também entender que momentos difíceis vão sempre ocorrer e fumar não resolverá seus problemas.

Sentindo vontade de fumar: a vontade de fumar ("fissura") não dura mais que cinco minutos. Nesses momentos, para ajudar, você poderá chupar gelo, escovar os dentes, beber água gelada ou comer uma fruta. Mantenha as mãos ocupadas com um elástico, pedaço de papel, rabisque alguma coisa ou manuseie objetos pequenos. Não fique parado - converse com um amigo, faça algo diferente que distraia sua atenção.

Exercício de relaxamento: Um ótimo recurso saudável para relaxar. Faça a respiração profunda: respire fundo pelo nariz e vá contando até 6. Depois deixe o ar sair lentamente pela boca até esvaziar totalmente os pulmões. Relaxamento muscular: estique os braços e pernas até sentir os músculos relaxarem.

E por fim, proteja-se... após parar de fumar uma simples tragada pode levar você a uma recaída. Evite o primeiro cigarro e você estará evitando todos os outros!

Conheça o portal da Singular Medicamentos em: http://singularmedicamentos.com/




terça-feira, 28 de maio de 2013

Para os homens, basta sentir gosto de cerveja para querer mais.

De acordo com uma pesquisa realizada com 49 homens pela Escola de Medicina da Universidade de Indiana, nos Estados Unidos, o gosto de cerveja libera no cérebro a dopamina, neurotransmissor responsável pela sensação de recompensa. Os homens que participaram do estudo passaram por uma série de exames de tomografia computadorizada enquanto sprays com pequenas quantidades de diferentes bebidas eram borrifados em suas bocas.

Os pesquisadores compararam os efeitos dos sprays de água, uma bebida isotônica esportiva e a cerveja preferida do participante. Cada um recebeu um total de 15 mililitros de líquido, uma quantidade que, no caso da cerveja, insuficiente para causar os efeitos inebriantes do álcool. Os resultados indicaram que uma quantia maior de dopamina foi liberada no cérebro após o spray de cerveja e que logo após esse spray, os homens tinham uma propensão maior a dizer que queriam tomar uma bebida alcoólica.

O Alcoolismo: David Kareken, um dos cientistas envolvidos no estudo explicou "Nós acreditamos que este seja o primeiro experimento em humanos a mostrar que o gosto da bebida alcóolica por si só, sem nenhum efeito narcotizante do álcool, pode desencadear esta atividade de dopamina nos centros de recompensa do cérebro".

O estudioso sugeriu também que a presença de efeitos maiores em homens com um histórico de alcoolismo na família poderia ser um fator de risco para o alcoolismo herdado dos pais.

Porém, segundo outra pesquisadora que está presente no estudo, Dai Stephens, disse que esses resultados já eram esperados. "Estes resultados, embora tenham sido muito bem trabalhados e sejam uma primeira demonstração convincente em humanos de que o gosto de uma bebida tem tais efeitos no cérebro, não são particularmente surpreendentes, já que sabemos há algum tempo de estudos com animais que os eventos condicionados à ingestão de drogas aumentam o nível de dopamina", finalizou.

Acesse o portal da Singular Medicamentos e conheça nossos produtos em: http://singularmedicamentos.com/

terça-feira, 21 de maio de 2013

Refrigerantes aumentam o risco de pedras nos rins.

Consumir refrigerantes, ou outras bebidas adocicadas (como o ponche), pode aumentar de 23% a 33% os riscos de formação de pedras no rim, dee acordo com um estudo publicado no periódico. Apesar da ingestão alta e diária de líquidos ser um importante aliado na prevenção das pedras, alguns tipos de bebida acabam facilitando o problema — e podem resultar em  casos de reincidência.

Para esse estudo, foram analisados dados de cerca de 194.095 voluntários, em um período acima de oito anos. Todos responderam a questionários a cada dois anos, com informações contendo histórico médico, estilo de vida e ingestão de medicamentos. Questões sobre a dieta eram atualizadas de quatro em quatro anos.

Descobriu-se que os participantes que consumiam uma ou mais doses de refrigerantes por dia tinham 23% mais riscos de ter pedras no rim, quando comparados àqueles que consumiam menos de uma dose por semana. A maior incidência ficava entre aqueles que consumiam refrigerantes diariamente  e que não são à base de cola — o aumento era de 33%. Por outro lado, algumas bebidas como café, chá e suco de laranja, estavam associadas a um baixo risco de formação de pedra nos rins.

“Algumas bebidas estão relacionadas a um menor risco de formação de pedra nos rins, enquanto outras com um risco maior”, disse o coautor do estudo Pietro Manuel Ferraro. “Embora o total de líquido ingerido reduza os riscos de pedras nos rins, essa informação sobre cada tipo de bebida pode ser útil para a implementação de estratégias que reduzam o problema nos pacientes”, finalizou.

Acesse o portal da Singular Medicamentos e conheça os nosso produtos em:
http://singularmedicamentos.com/farmaciadelivery/




quinta-feira, 16 de maio de 2013

Entenda o que é o câncer de mama e métodos de prevenção.



O que é?
O câncer de mama é o carcinoma mais comum em mulheres, responde cerca de 22% do total de casos novos a cada ano no Brasil, segundo o INCA (Instituto Nacional de Câncer). A estimativa do instituto aponta que o país registrou 52.680 novos casos da doença apenas em 2012.
Os dados mais recentes de óbitos divulgados pelo instituto apontam que, em 2010, morreram no Brasil 12.852 pessoas devido ao câncer de mama, sendo 147 homens e 12.705 mulheres.

E quais são os fatores de risco? São considerados fatores de risco: histórico familiar, obesidade, sedentarismo e antecedente de patologias mamárias. Além disso,  ginecomastia ou crescimento de mamas nos homens (isso pode ocorrer com aplicações de hormônio), hiperestrogerismo, doença testicular, doença hepática, fratura óssea acima de 45 anos e a síndrome de Klinefelter podem também se tornar perigosos. Foi apontado também que por meio da alimentação, nutrição e atividade física é possível reduzir em até 28% o risco de a mulher desenvolver o câncer de mama.

Nascer com os genes BRCA1 ou BRCA2 significa que vou ter câncer no futuro? Não.

Segundo a geneticistista Lygia da Veiga Pereira, chefe do laboratório nacional de células-tronco embrionárias da Universidade de São Paulo, apenas quem nasce com mutações em um desses genes ou desenvolve esta mutação ao longo da vida passa a ter risco de desenvolver algum tipo de câncer.
Ela explica que a probabilidade de uma mulher com saúde normal desenvolver câncer de mama até os 90 anos é de 10%. No entanto, se ela tem uma mutação nos genes BRCA1 ou BRCA2, a chance de desenvolver o câncer é de 87%. Mutações nos genes BRCA são responsáveis por cerca de 10% dos casos de câncer de mama nos EUA, tanto em homens como em mulheres.

Apenas os genes BRCA1 ou BRCA2 causam o desenvolvimento de câncer? Não.

Segundo o médico mastologista João Carlos Sampaio Góes, diretor científico do Instituto Brasileiro do Controle do Câncer, existem outros genes ainda não identificados que também são relacionados à pré-disposição do câncer de mama. Ele também acrescenta que casos de reposição hormonal também podem acabar causando o desenvolvimento da doença.

Casos de câncer na família significam que também terei algum carcinoma no futuro? Não.

Cerca de 90% dos cânceres não são hereditários. O tumor ocorre devido a algum defeito genético, que pode aparecer anos após o nascimento de uma pessoa, por conta dos seus hábitos de vida.

Realizar exame de sequenciamento genético pode ser uma alternativa de prevenção? Sim.

No entanto, segundo Lygia da Veiga, é um exame feito com menos frequência e, em grande parte na pequena parcela da população que tem maior pré-disposição ao desenvolvimento de câncer hereditário, quando genes defeituosos são transmitidos da mãe ou pai para os filhos.
Segundo a geneticista da USP, essa taxa é de 10%. Ela afirma ainda que o sequenciamento pode ser recomendado para casos de desenvolvimento da doença em pessoas da mesma família que têm câncer muito cedo. Exemplo são mulheres que desenvolvem câncer de mama com idades que variam entre 20 e 40 anos.

Realizar uma mastectomia (retirada dos seios) é a única solução para prevenir o câncer de mama? Não.

A retirada dos seios, após a descoberta do gene defeituoso e da chance de desenvolver câncer de mama, pode reduzir o risco de desenvolver o carcinoma. Esse tipo de procedimento, seguido da reconstrução das mamas, já é bastante aplicado do país, inclusive quando há detecção do câncer de mama na fase inicial.
Ainda sim, existemoutras alternativas de prevenção. Uma delas é o acompanhamento médico com maior frequência e realização de exames de mamografia. A outra é o tratamento com a substância tamoxifeno, considerado um antihormônio, e que reduz em 50% o risco do câncer de mama.
Porém, essa medicação pode ser tomada por pouco tempo (entre 5 e 10 anos), pois tem efeitos colaterais como a elevação do risco de trombose, problemas de visão e desenvolvimento de câncer de endométrio (camada de células que reveste o útero).

Acesse o portal da Singular Medicamentos e conheça nossos produtos em:
http://singularmedicamentos.com/farmaciadelivery/

terça-feira, 14 de maio de 2013

Exercícios físicos reduzem risco de desenvolver câncer de mama.



Praticar exercícios físicos de maneira regular mantém o peso em dia, controla a pressão e evita uma série de doenças cardiovasculares. De acordo com pesquisadores da Universidade de Minnesota, nos Estados Unidos, estudos preliminares apontam que as atividades aeróbicas também influenciam a forma como o corpo metaboliza o hormônio estrogênio, produzindo resíduos considerados melhores para a saúde, capazes de reduzir o risco de desenvolver câncer de mama.

Depois de medir os níveis de três tipos de estrogênio e nove metabólitos deste hormônio entre voluntárias, os pesquisadores descobriram que entre as mulheres que se exercitam, a presença dos subprodutos 2-OHE1 é maior e de 16alpha-OHE1 se apresenta reduzida. E justamente essa combinação estaria associada ao menor risco de desenvolver câncer de mama. Por outro lado, não houve qualquer alteração metabólica importante entre as mulheres que não praticaram exercícios físicos durante a pesquisa.

Para chegar a esta conclusão, os cientistas analisaram a rotina de 391 mulheres, entre sedentárias, saudáveis, jovens ou na pré-menopausa. As voluntárias foram divididas em dois grupos: 173 mulheres continuaram a levar um estilo de vida sedentário, enquanto as outras 212 passaram a praticar 30 minutos de exercícios de intensidade moderada a vigorosa, cinco vezes por semana, durante o período de quatro meses. Os cientistas ajustaram a intensidade do treino individualmente para que a frequência cardíaca máxima permanecesse uniforme entre as participantes.

Acesse o portal da Singular Medicamentos e conheã nossos medicamentos em:
http://singularmedicamentos.com/farmaciadelivery/

sexta-feira, 10 de maio de 2013

Dia das Mães.


No segundo domingo de maio comemora-se o Dia das Mães. Essa data surgiu em virtude do sofrimento de uma americana que, após perder a mãe, passou por um processo depressivo. As amigas mais próximas de Anna M. Jarvis, para livrá-la de tal sofrimento, fizeram uma homenagem para sua mãe, que havia trabalhado na guerra civil do país. A festa fez tanto sucesso que em 1914, o presidente Thomas Woodrow Wilson oficializou a data, e a comemoração se difundiu pelo mundo afora.

As mães são homenageadas desde os tempos mais antigos. Os povos gregos faziam uma comemoração à mãe dos deuses, Reia. Na Idade Média os trabalhadores que moravam longe de suas famílias ganhavam um dia para visitar suas mães, que os ingleses chamavam de “mothering day”.
Mãe é a mulher que gera e dá à luz um filho, mas também pode ser aquela que cria um ente querido como se fosse sua geradora, dando-lhe carinho e proteção.
As mães merecem respeito e muito amor de seus filhos, pois fazem tudo para agradá-los, sofrem com seus sofrimentos e querem que estes estejam sempre bem.
Com o passar dos anos, o dia das mães aqueceu o comércio de todo o mundo, pois os filhos sempre compram presentes para agradá-las e para agradecer toda forma de carinho e dedicação que recebem ao longo da vida.
Nas diferentes localidades do mundo, a comemoração é feita em dias diferentes. Na Noruega é comemorada no segundo domingo de fevereiro; na África do Sul e Portugal, no primeiro domingo de maio; na Suécia, no quarto domingo de maio; no México é uma data fixa, dia 10 de maio. Na Tailândia, no dia 12 de agosto, em comemoração ao aniversário da rainha Mom Rajawongse Sirikit. Em Israel não existe um dia próprio para as mães, mas sim um dia para a família.
No Brasil, assim como nos Estados Unidos, Japão, Turquia e Itália, a data é comemorada no segundo domingo de maio. Aqui, a data foi instituída pela associação cristã de moços, em maio de 1918, sendo oficializada pelo presidente Getúlio Vargas, no ano de 1932.



Por fim, a Singular Medicamentos deseja todas as mães um dia mais que especial!





quinta-feira, 9 de maio de 2013

A Singular Medicamentos está completando 2 anos!


A Singular Medicamentos Especiais tem a missão de tornar-se referência no segmento delivery farmacêutico, para isso, contamos com um atendimento diferenciado. Nossos colaboradores recebem treinamento constante para dar o suporte necessário a pacientes, profissionais de saúde e indústria farmacêutica.

A Singular segue todas as normas e diretrizes da ANVISA - Agência Nacional de Vigilância Sanitária, proporcionando conforto e maior adesão ao tratamento.

Busca d
esenvolver parceria estratégica com clientes e fornecedores, viabilizando informações para tomada de decisões.

A Singular conta com um serviço personalizado, atendendo demandas específicas dessa categoria de medicamentos, com pontualidade e seriedade. Caso o cliente necessite de um medicamento fora de seu catálogo, a Singular faz esforços junto aos fabricantes e fornecedores, garantindo um Serviço de Assistência Farmacêutica altamente especializada.

Contamos com um atendimento de enorme credibilidade. Nossos colaboradores recebem treinamento constante para dar o suporte necessário a pacientes, profissionais de saúde e indústria farmacêutica, visando desenvolver de maneira confiável uma parceria estratégica com clientes e fornecedores, viabilizando informações para tomada de decisões.

Acesse o portal da Singular Medicamentos e conheça nossos produtos em:
http://singularmedicamentos.com/farmaciadelivery

terça-feira, 7 de maio de 2013

Cigarro causa mais câncer em mulheres.



Uma pesquisa recém feita por cientistas noruegueses apontou que mulheres fumantes têm mais risco de desenvolver câncer de intestino que homens fumantes. Os pesquisadores, da Universidade de Tromso, analisaram os registros médicos de aproximadamente 600 mil pacientes e concluíram que a incidência da doença é duas vezes maior entre mulheres que fumam.

O estudo mostra também que as mulheres fumantes têm 19% mais risco de desenvolver esse tipo de câncer que as não fumantes, enquanto entre os homens o cigarro aumenta esse risco em 9%. Durante o período analisado, cerca de 4 mil pacientes tiveram câncer no intestino.

O risco de desenvolver a doença mostrou-se especialmente alto entre mulheres que começaram a fumar aos 16 anos ou mais jovens e aquelas que fumaram durante décadas. Esse é o primeiro estudo a mostrar que até mulheres que fumam menos que homens têm um risco maior de desenvolver câncer no intestino grosso - um indicativo de que elas seriam mais vulneráveis aos efeitos tóxicos do cigarro.

Mas eles fizeram a ressalva de que a pesquisa não conseguiu levar em conta outros fatores que poderiam afetar a incidência da doença, como o consumo de álcool e a dieta dos pacientes.

Doenças cardíacas: Os especialistas também já haviam mostrado que mulheres fumantes têm mais chances de sofrer um ataque cardíaco que homens fumantes, mas não sabiam muito bem o motivo dessa diferença. Outra pesquisa recente apresentou uma possível explicação para isso.

De acordo com ela, adolescentes expostas ao fumo passivo apresentariam baixos níveis do colesterol "bom" (HDL), que ajuda a reduzir o risco de doenças cardíacas. Já entre meninos, o fumo passivo não causaria o mesmo impacto negativo, ou seja, os níveis de colesterol "bom" não seriam afetados pela exposição à fumaça de cigarro. O estudo analisou mais de mil adolescentes na região de Perth, na Austrália.

O coordenador da pesquisa, Chi Le-Ha afirmou que "Levando em conta que doenças cardiovasculares são a principal causa de morte entre mulheres no mundo ocidental, essa é uma preocupação importante".

De acordo com um terceiro estudo, que acompanhou a trajetória de mais de um milhão de mulheres, aquelas que abandonaram o cigarro aos 30 anos evitaram quase completamente o risco de uma morte prematura devido a doenças relacionadas ao fumo. Já se sabe que fumar causa pelo menos 14 tipos diferentes de câncer.

Para homens e mulheres, as provas são incontestáveis: não fumantes têm menos chances de desenvolver câncer, problemas cardíacos, deficiências pulmonares e muitas outras doenças graves.

Acesse o portal da Singular Medicamentos Especiais e conheça nossos produtos em:
http://singularmedicamentos.com/farmaciadelivery/



quinta-feira, 2 de maio de 2013

Comida 'trash' uma vez por semana pode ser liberada.


Imagine um x-tudo com dois hambúrgueres de 250g cada, quatro salsichas, frango desfiado, oito fatias de presunto, oito fatias de queijo, quatro ovos, bacon, calabresa, azeitona, palmito, batata palha, purê de batata, milho, ervilha, cenoura ralada, cebola, cheddar, requeijão, polenta frita, batata frita, pão sírio, maionese, tomate, vinagrete e alface.

Se não gosta de sanduíche não tem problrma, a tentação pode ter uma pitada regional. Pode vir na forma de um saboroso pão de queijo recheado com lingüiça, ou de uma deliciosa tapioca com todos os ingredientes a que você tiver direito.

É difícil resistir a uma tentação dessas, não é? E não adianta tentar se enganar. Mais cedo ou mais tarde, acabamos comendo um belo prato da nossa comida favorita, sem pensar em gordura, açúcar ou calorias em geral.

Se você não tem nenhum problema de saúde nem está tentando emagrecer e mantém uma dieta considerada balanceada, com todos os principais diferentes, pode reservar uma refeição por semana para comer o que quiser. O problema está quando essa alimentação “trash” se torna rotina. No fim de semana, por exemplo, temos o jantar de sexta, o almoço e o jantar de sábado e o almoço e o jantar de domingo. O correto é que apenas uma dessas refeições pode ser totalmente liberada, com o que bem entender.




Além disso, existem algumas dicas para deixar sua comida predileta um pouquinho mais saudável.

No caso de um sanduíche, peça sempre os molhos à parte. Maionese é rica em gordura e mostarda e ketchup têm muito sódio. Se o molho vem separado, dá para controlar muito melhor a quantidade.
Se você adora um refrigerante, dê preferência ao zero, que não tem açúcar e com isso, menos calorias. No caso do suco, prove antes de adoçar, também para não exagerar no açúcar. Essa mesma dica vale para o sal da batata frita.

Se a ideia é só matar a vontade, não precisa comer uma refeição gigante. Por isso, uma boa dica pode ser dividir o sanduíche, seja um beirute por exemplo, com alguém, que os dois ficam satisfeitos. Coma lentamente, de garfo e faca, de preferência, e deixe também seu corpo começar a digestão. Isso libera o hormônio da saciedade e evita os abusos.

Acesse o portal da Singular Medicamentos e conheça nossos produtos em:
http://singularmedicamentos.com/farmaciadelivery